Em meio à crise econômica, queremos estar habilitados para alcançar uma boa formação acadêmica e ganhar nosso espaço no mercado de trabalho. Estudar com mais eficiência torna-se cada vez mais importante para alcançar esses objetivos. Por outro lado, diante de tantas tarefas e distrações, é difícil nos concentrar quando estudamos.

Veja neste post 6 dicas infalíveis para você ser mais eficiente nos estudos, rumo ao sucesso acadêmico e profissional.

1. Defina um objetivo

Imagine-se num carro, com a chave na mão. Você coloca a chave na ignição e gira. O carro liga. Agora, para onde você vai? Como vai chegar lá? O mesmo se dá com os estudos. Se você não sabe o que quer, vai ficar difícil chegar a qualquer lugar. Da mesma forma, você precisa saber quais são seus objetivos. Esse é primeiro passo — e o mais importante — pois vai motivá-lo a chegar aonde deseja.

2. Organize um espaço

Um ambiente adequado para estudar é essencial. Se não estiver confortável na hora dos estudos, você não vai conseguir se concentrar e esse momento vai ser uma tortura. Então, se liga nas em algumas mudanças que talvez você precise fazer em seu ambiente de estudos!

Iluminação

Use lâmpadas ou luminárias que clareiem o suficiente para enxergar confortavelmente. Mesmo que você use um computador ou notebook para estudar, isso ainda é importante. Nesse caso, a luz de apoio ajuda a não forçar demais a visão.

Além disso, regule a iluminação do seu dispositivo para que não agrida os seus olhos, e mantenha uma distância segura — alguns especialistas recomendam entre 60 e 70 centímetros —, descansando a vista a cada 30 minutos.

Mesa e cadeira

Isso mesmo! Tenha uma cadeira confortável, de preferência modelos ergonômicos com descanso para os braços. A mesa deverá ser do tamanho suficiente para ter ao seu alcance todo material que precise sem precisar se levantar. Lembre-se de que, mesmo tendo uma cadeira e mesa confortáveis, nunca fique mais que 50 minutos. Dê um descanso de uns 10 minutos.

Ventilação ou refrigeração

Estude em um lugar arejado, com boa ventilação ou refrigerado. Não vai dar certo estudar secando-se do suor escorrendo pelo rosto. Uma garrafa de água por perto já ajuda, evitando que você precise interromper os estudos para buscar algo para beber.

Material

Tenha todo o seu material ao seu alcance. Isso inclui canetas, lápis, borracha, tablet, corretivo, marcadores, livros e tudo o mais que precise.

Silêncio

Livre-se de qualquer barulho que possa tirar sua concentração. Se não puder evitá-lo, você poderá usar um fone de ouvido. Estudar escutando músicas de que goste pode ser bem relaxante. Que tal usar uma lista do Spotify para estudar!

Distrações

Se possível, desconecte-se das redes sociais no seu smartphone, no tablet e no computador.  As notificações vão fazer você perder tempo e tirar o foco do que é mais importante. Use os intervalos para se reconectar e se atualizar. Depois desligue novamente. Experimente! Você vai ficar surpreso com o aumento da sua produtividade.

3. Administre seu tempo

O tempo que você vai gastar nos estudos dependerá dos seus objetivos, do prazo que você tem, e de seus hábitos. Não adianta ficar numa rotina pesada demais. Então, comece leve e vá aumentando o tempo. Tente começar com 30 minutos. Logo conseguirá estudar por algumas horas seguidas — mas não esqueça de fazer as pausas necessárias nas sessões de estudo.

Faça um cronograma de quais conteúdos pretende estudar em cada semana. Isso evitará que você fique sobrecarregado com o conteúdo nos dias precedam à avaliação ou concurso.

4. Selecione suas fontes de pesquisa

As fontes de material de estudo são infindáveis. Por isso, é fácil se perder com tantas informações. Quer uma dica? Limite suas fontes de pesquisa. Procure fontes confiáveis em sites especializados. Nos editais de concursos, é fácil encontrar as referências dos livros e sites que precisa pesquisar.

Você pode usar várias mídias, como livros, videoaulas, revistas, fórum de discussões, entre outros. Isso fará com que seus estudos sejam dinâmicos e mais atrativos.

5. Compartilhe informações

Converse com outros sobre o que está estudando — seus amigos, professores ou sua família. Falar sobre aquilo que estudou vai ajudá-lo a guardar as informações com mais facilidade.

6. Descanse para estudar com mais eficiência

Diversas pesquisas têm revelado como uma boa noite de sono é importante para retermos informações na mente. Por isso, tenha uma boa rotina de descanso, e sua mente estará muito mais receptiva para aprender e fixar novos conteúdos.

Queremos não só estudar, mas ser eficientes nisso. Isso não vai acontecer do dia para a noite. É uma habilidade que vamos desenvolvendo à medida que praticamos. Seguindo essas sugestões, você alcançará seus objetivos. Então, mãos à obra! Quer dizer, aos estudos!

Gostou das dicas sobre como estudar com mais eficiência? Então, compartilhe com seus amigos nas redes sociais!

 

Anúncios